Como identificar e se livrar dos ácaros

Se você vai cultivar plantas, infelizmente, estará lidando com pragas como ácaros!

É apenas um fato da vida do grower dedicado.

A boa notícia é que você pode revidar e vencer os ácaros das plantas.

Neste artigo vamos abordar

  • O que são os ácaros das plantas e por que eles são um problema tão grande?
  • Um guia completo de identificação de ácaros de plantas
  • Como identificar um problema do ácaro da planta antes que ele estrague o seu jardim
  • Algumas dicas simples para você começar um jardim à prova de ácaros da planta

  • Temos muito o que cobrir, então vamos começar ...

    O que são os ácaros das plantas e por que eles são um problema tão grande?

    Primeiro, nenhum de nós quer criaturinhas correndo por todas as nossas preciosas plantas ...

    Mas, diferentemente dos fungos ou micróbios benéficos, que são pequenos organismos vivos que são bons para suas plantas, os ácaros NÃO são um organismo minúsculo que você deseja em sua sala de cultivo.

    A razão é que esses pequenos insetos se alimentam de suas plantas e drenam nutrientes valiosos e clorofila ...

    De fato, se você não se livrar deles, eles podem realmente matar suas plantas!

    Essas pequenas criaturas são basicamente como "vampiros" que sugam suas plantas e podem arruinar toda a sua colheita.

    Como identificar os diferentes tipos de ácaros de plantas?

    A família de criaturas dos ácaros está intimamente relacionada aos carrapatos e até aos aracnídeos (aranhas).

    Existem muitos tipos de ácaros, alguns mais comuns que outros…

    Este breve guia pode ajudá-lo a identificar com que tipo de infestação você pode estar lidando. Ainda melhor, espero que você esteja lendo isso antes de ter um problema e ele lhe dará uma idéia dos sintomas dos ácaros a serem observados…

    1. Spider mites (Ácaro-aranha) - esses pequenos insetos (com menos de 1 mm de comprimento) são provavelmente os mais comuns (e mais odiados) de todas as pragas de jardins internos. Na verdade, são pequenos aracnídeos e, devido ao seu pequeno tamanho, você pode não notá-los até que causem sérios danos às suas plantas.

    Existem duas maneiras confiáveis ​​de detectar uma infestação: uma, procure teias semelhantes às das aranhas. Segundo, pegue um lenço de papel e limpe-o suavemente na parte inferior das folhas - se voltar com manchas de sangue do Ácaro-Aranha - você sabe que tem ácaros.

    1. Broad mites (Ácaro-branco/largo) - são tão pequenos que são impossíveis de ver a olho nu e ainda são realmente difíceis de ver com um microscópio.    Ácaros largos se reproduzem prolificamente entre 21-27º C. Eles eclodem em dois a três dias e cada fêmea pode produzir 40-50 ovos. Ácaros largos injetam um hormônio do crescimento tóxico na planta que diminui e distorce o crescimento. Procure folhas com as bordas viradas para cima como se sua planta estivesse sofrendo de estresse por calor - e sua planta pode até ter uma aparência brilhante que parece folhas de plástico falsas. Eventualmente, essas folhas ficam amarelas ou bronze e depois morrem.

      1. Ácaros de cânhamo Russet - diferentemente dos outros ácaros-largos, eles não deixam teias. Danos visíveis à sua planta, como o Ácaro Largo, são geralmente os primeiros sinais de uma infestação. Ao contrário da maioria das variedades de ácaros, eles têm apenas dois pares de pernas. Eles começam na parte baixa da planta e depois sobem, então verifique um pouco acima de onde quer que uma planta esteja mostrando estresse com um microscópio com potência de pelo menos 14x.

      1. Ácaros do ciclâmen - são muito semelhantes aos ácaros largos. Eles têm menos de 0,2 mm de comprimento e podem ser incolores a verde ou marrom. Eles têm 8 pernas. Os ácaros machos do ciclâmen têm uma garra muito forte montada no final de cada quarta perna. Eles evitam a luz e preferem alta umidade e temperaturas baixas de 15 ° C. Como o ácaro, eles se alimentam das células de suas plantas sugando-as com a boca. Sua alimentação causa crescimento atrofiado, com folhas geralmente enroladas para cima. As folhas ficam enrijecidas e quebradiças e as flores são deformadas ou reduzidas.

      Agora que você sabe o que são os ácaros, vamos falar sobre ...

      O que causa problemas com os ácaros das plantas?

      Muitas coisas podem causar problemas de pragas nas plantas, como os ácaros, mas basicamente é apenas uma parte do crescimento.

      Mesmo se você estiver cultivando em uma sala de cultivo completamente selada em ambiente fechado, essas pragas ainda poderão entrar.

      Dito isto, mais vale prevenir, do que remediar…

      Portanto, tome algumas medidas de bom senso para combater doenças de plantas e pragas usando as dicas deste artigo.

      Em resumo, manter sua sala de cultivo limpa e arrumada pode pelo menos ajudá-lo a manter o controle de sua sala de cultivo e facilitará a identificação de pragas quando elas invadirem.

      Pense em sua sala de cultivo - se estiver crescendo em ambientes fechados - como se fosse uma sala médica que precisa ser mantida o mais limpa possível para evitar contaminação indesejada.

      Se você cresce ao ar livre, tudo isso é muito mais difícil, porque os ácaros geralmente são encontrados no solo…

      Como "pegar" o problema do ácaro da planta antes que estragem suas plantas ...

      Uma das chaves para salvar suas plantas de ácaros (e outras pragas) é agir rapidamente.

      Em outras palavras, quanto mais cedo você identificar o problema, procurando ativamente os sintomas dos ácaros, mais rápido poderá combatê-los e menos danos os ácaros poderão causar.

      Aqui está uma grande dica: não pense apenas que suas plantas sofrem de uma deficiência de nutrientes ou outro problema comum de crescimento de plantas.

      Por exemplo, os ácaros começam a danificar sua planta, causando pequenas manchas amarelas em suas folhas. Você pode confundir isso com uma deficiência de nutrientes e não inspecionar suas plantas quanto a pragas! Quando você vê as teias dessas pequenas criaturas, isso significa que elas estão se alimentando de suas plantas há algum tempo causando danos.

      Portanto, a regra número um é não descartar pragas quando você vê algo errado com suas plantas.

      Você deve procurar um microscópio de mão e inspecionar cuidadosamente suas plantas sempre que encontrar um problema de qualquer tipo para garantir a identificação correta do problema.

      Em resumo, você não deseja descartar alguns problemas de estresse das plantas como uma deficiência de nutrientes ou algum outro diagnóstico errado, apenas para descobrir que você tem uma infestação séria nas mãos quando suas plantas começam a morrer!

      Algumas dicas básicas para prevenir e combater os ácaros das plantas ...

      Cresça hidroponicamente sem solo, se possível - Em primeiro lugar, se você estiver crescendo hidroponicamente, poderá reduzir bastante suas chances de ter que combater essas pragas irritantes e destruidoras de culturas ...

      Isso porque elas preferem o solo e se multiplicam facilmente neste meio de cultivo. Por esse motivo, se você estiver cultivando em ambientes fechados, use um meio de cultivo estéril, como turfa, coco ou fibra de coco e mistura de perlita. Isso por si só reduz drasticamente as chances de infestações por insetos.

      Comece a combater pragas imediatamente - Se você identificou um problema de pragas ou algum dos sintomas de ácaros, não espere! Você quer começar a combater os pequenos insetos o mais rápido possível, porque quanto mais cedo você os pega, menos danos eles podem causar às suas preciosas plantas.

      Coloque sua sala de cultivo em quarentena - Se estiver cultivando em um ambiente interno, é útil ter uma área de "quarentena" antes de entrar na sua sala de cultivo onde você pode remover os sapatos que possam contaminar o ar, roupas, etc. Ou qualquer outra coisa que lhe permita acidentalmente trazer pragas para a sua sala de cultivo. A idéia aqui é que você deseja manter sua sala de cultivo o mais "estéril" possível.

      Então, o que acontece se você estiver fazendo o possível para evitar um problema, mas acha que pode ter ácaros?

      Fique ligado…

      Controle e erradicação de ácaros

      Suas plantas estão sendo atacadas ...

      Na verdade, eles estão lutando por suas vidas porque você tem um problema com ácaros.

      -Você identificou os sintomas e percebe que tem um problema de praga.

      -Agora, o que você vai fazer para se livrar dessas criaturas?

      -E como você vai impedir que isso aconteça novamente?

      -E se você pudesse voltar no tempo, para evitar a infestação antes que acontecesse? 

      Como prevenir os ácaros…

      O melhor controle de ácaros é impedir que isso aconteça.

      Primeiro, você quer se concentrar em um ambiente de cultivo limpo e estéril. Isso é especialmente importante se você está crescendo em ambientes fechados.

      Lembre-se de manter sua sala de cultivo limpa. E aqui estão mais algumas dicas ...

      Limpe qualquer matéria vegetal morta (como folhas) o mais rápido possível e remova-as totalmente da sala de cultivo (não as coloque em uma lata de lixo na mesma sala ou as empilhe em algum lugar - você precisa pô-las para fora da sala )

      Cuidado ao deixar os convidados entrarem em sua sala de cultivo. Especialmente se eles estiveram ao ar livre, no solo ou vieram de outra sala de cultivo. Seu hóspede pode facilmente transportar ácaros de outro cultivo infestado…

      Mantenha animais de estimação e outros animais (como cães e gatos) fora de sua sala de cultivo. Eles derramam e podem facilmente trazer insetos e outras pragas.

      Limpe e esterilize o máximo possível. Manter as coisas geralmente limpas e entre cultivos, especialmente, é um bom momento para realmente esterilizar seu ambiente.

      Segundo, mantenha o ambiente ideal de cultivo.

      A boa notícia aqui é que o ambiente ideal para boas colheitas é o ambiente ideal para o controle de ácaros…

      Utilize um ótimo fluxo de ar - o movimento do ar não apenas ajuda suas plantas a ficarem felizes e a crescerem mais fortes, mas também é um grande impedimento contra pragas como ácaros. Para jardins internos, com entrada de ar do exterior, use um filtro para impedir que as pragas entrem pelos dutos de ar.

      Para jardins ao ar livre, tente escolher uma área arejada para crescer.

      Mantenha seus níveis de temperatura e umidade sob controle. Em geral, os ácaros gostam de clima quente e seco. Mas você pode ter outros problemas de pragas (ou doenças) se o ambiente ficar muito úmido. Portanto, mantenha as faixas ideais de temperatura e umidade junto com um ótimo fluxo de ar em sua sala de cultivo para obter melhores resultados.

      Colocar novas plantas em quarentena - se você cultivar com clones, convém colocar em quarentena todos os clones de outros jardins por cerca de uma semana. Examine-os com um microscópio para garantir que não tenham problemas com pragas. Seja extremamente cuidadoso antes de trazê-los para sua sala de cultivo. Se você cultiva a partir de sementes, isso não é um problema.

      Mas vamos falar sobre como combater os ácaros se você já tiver um problema.

      Porque queremos focar no controle orgânico de ácaros ...

      Especialmente quando o cultivo e feito para consumo humano, é muito importante não usar pesticidas perigosos ou outros métodos que possam prejudicar o usuário final.

      Se você cultivasse algum outro tipo de planta - talvez apenas flores para decoração -, não precisaria se preocupar muito com isso, mas é extremamente importante para as plantas que as pessoas consomem.

      Além disso, muitos pesticidas podem matar os microbios benéficos e outros insetos que podem ajudá-lo a combater pragas e contribuir para o crescimento e maiores rendimentos.

      Por esse motivo, gostamos de nos concentrar no controle orgânico dos ácaros.

      Então, aqui está o plano completo de batalha para se livrar de ácaros de todos os tipos ...

      Etapa 1: comece a matar os ácaros!

      Vamos falar sobre maneiras de exterminar ácaros ...

      Pulverize-os - se você estiver cultivando ao ar livre (ou é possível fazê-lo em ambientes fechados), primeiro poderá pulverizar muitos dos ácaros com água. Alguns produtores relataram mais sucesso usando água fria e diminuindo o pH para 3-4 (para torná-lo mais ácido) usando ácido cítrico ou vinagre.

      Vários sprays de inseticida - Você deseja evitar venenos químicos que podem prejudicar suas colheitas finais quando ingeridos. E não podemos garantir a eficácia dos sprays caseiros de itens domésticos, como alho, etc. Mas alguns produtores relataram bons resultados de intervenções orgânicas de “pesticidas” que contêm Azadiractina, um regulador de crescimento de Antifeedants (são compostos orgânicos produzidos por plantas para inibir o ataque de insetos e animais em pastejo. Esses compostos químicos são tipicamente classificados como metabólitos secundários, pois não são essenciais para o metabolismo da planta, mas conferem longevidade) e insetos.

      Predadores benéficos - Alguns produtores relatam sucesso usando criaturas predadoras benéficas, como nemátodos.

      Coloque esses predadores vivos no seu meio e eles podem caçar e matar as pragas. Também é importante observar para os cultivadores ao ar livre que as joaninhas são boas matadoras de ácaros e você deve ficar feliz em vê-las em seu jardim, se quiser controle natural dos ácaros. Além disso, esses predadores geralmente não são suficientes por si só para se livrar do problema do ácaro, mas podem ser usados ​​se você estiver perto da colheita e usar pesticidas não é uma opção.

      Tiras anti-pragas - Você tem que ter cuidado com elas. Essas tiras emitem vapor dentro de salas de cultivo internas que matam ácaros. Mas você não pode usá-las em uma sala de cultivo anexada à sua casa ou outra área de estar, porque o vapor também é tóxico para os seres humanos.

      Óleo de neem - este é um remédio natural que é muito eficaz contra os ácaros, mas não prejudica seres humanos, animais ou a maioria dos insetos "bons", como abelhas, joaninhas, vespas predadoras etc. que você realmente deseja em seu jardim. Pode usar dentro de casa também. Você precisará de um pulverizador de pressão, para pulverizar todas as folhas uniformemente com este produto. Evite os buds se estiver próximo da colheita, para não alterar o seu sabor.

      O que você quer fazer é, como dissemos, primeiro borrife suas plantas com água, se possível. Apenas a pressão do spray pode remover e matar muitos ácaros.

      Então, você quer escolher uma das opções de inseticida e usá-la para matar todos os ácaros que encontrar. Pulverize-o em todas as suas plantas, certificando-se de atingir a parte inferior das folhas, porque é onde os ácaros gostam de se esconder.

      Certifique-se de pulverizar também todas as outras áreas ao redor de suas plantas. Você não quer que os ácaros se escondam em sua sala de cultivo e depois se dirijam para suas plantas mais tarde.

      Etapa 2: faça novamente, 2-3 dias depois ...

      Por causa de seu ciclo reprodutivo, eles se replicam muito rapidamente. E por uma série de outras razões, uma aplicação apenas não vai acabar com seu problema.

      Além do mais, eles geralmente ficam mais "resistentes" a qualquer método que você usou para matá-los.

      De fato, muitos produtores brincam que os ácaros se transformam em um "Exército Zumbi" se você não os matar porque eles se tornam mais difíceis de exterminar.

      É por isso que, após sua primeira briga com os ácaros, você deseja escolher um método diferente e seguir em frente novamente.

      Lembre-se de que quando você usa inseticidas para pulverizar seu grow INTEIRO (não apenas as plantas) você quer ter certeza de que está matando os ácaros, não importa onde eles estejam escondidos na sua sala de cultivo.

      Etapa 3: você provavelmente deve repetir mais uma vez ...

      O consenso geral é que você provavelmente pode matar todos os ácaros vivos nas duas primeiras passagens com o método de extermínio escolhido.

      O problema é que algumas espécies de ácaros podem levar dias ou até semanas para amadurecer e começar a atacar suas plantas no futuro!

      É por isso que é uma boa ideia usar esta regra geral: se você acha que matou todos eles, aguarde alguns dias e vá em frente e faça mais uma vez, apenas para ter certeza.

      Etapa 4: Volte ao modo de prevenção…

      Depois de fazer o melhor para garantir que você tenha matado os ácaros no seu jardim, precisará voltar a fazer a primeira coisa que você deve fazer para o controle dos ácaros: prevenção!

      Se você erradicou com sucesso a primeira infestação, prestando atenção extra à prevenção posteriormente, esperamos que consiga chegar a uma ótima colheita sem mais problemas!